Universidade Católica Portuguesa
Pagina Inicial
Portal UCPPortal UCPAlunosAlunosDocentesDocentesWebmailWebmail
Centro de Estudos dos Povos e Culturas de Expressão PortuguesaInício | Voltar | Imprimir

Atividades em Curso

MEDICI (2019 )

MEDICI 

A parceria para desenvolver o projeto tem uma coordenação técnica de Tavistock (UK) integrando os seguintes parceiros: LAB (IT), Universidade católica Portuguesa / CEPCEP (PT), Smart Bananas (SB) TI, KETHEA (EL), LLL-P (BE) UNIR (SP). O objetivo estratégico da MEDICI é desenvolver e disseminar amplamente um catálogo interativo de boas práticas e mapas on-line da Europa que resuma as boas práticas existentes ao nível local, regional ou nacional de modo a integrar melhor os grupos vulneráveis / desfavorecidos na sociedade digital em todos os  Estados-Membros da UE. Também identificará áreas onde não existem iniciativas para combater a exclusão digital e onde as pessoas em situação de vulnerabilidade  estão, portanto, mais expostas ao risco de exclusão. O Projeto  MEDICI reconhece que este Catálogo Interativo e os Mapas terão valor limitado, a menos que evoluam com o tempo, conforme as necessidades dos utilizadores vão mudando; pretende  também : fornecer soluções práticas confiáveis e baseadas em evidências para resolver problemas reais em diferentes contextos; incorporar as experiências e aprendizados das partes interessadas e apoiar o intercâmbio dessas experiências e aprendizagem. A abordagem da MEDICI, portanto, oferece um sistema  multi-metodológico, holístico, que visa estabelecer as bases para o desenvolvimento e sustentação de um "ecossistema do conhecimento" para apoiar a inclusão digital. Esta abordagem incorpora seis componentes interconectados: i) o Catálogo Interativo e Mapas de melhores práticas no centro do projeto ii) um Repositório de Conteúdo e sistema de gestão de conteúdo fornecendo acesso ao Catálogo Interativo e Mapas e para desenvolvê-los ao longo do tempo iii) actividades de investigação - utilizando uma metodologia de «revisão realista científica» para identificar, coligir e analisar outras boas práticas iv) uma rede e uma comunidade de conhecimentos que permita que as partes interessadas no domínio da inclusão digital tenham acesso aos casos de boas práticas no Catálogo; aplicá-los em sua prática; partilhar experiências e criar novas formas de aplicar as práticas v) ações de avaliação e replicação que, em primeiro lugar, desenvolvam e apliquem uma metodologia para avaliar a eficácia e potenciar a replicação dos casos de melhores práticas no Banco de Conhecimento e, em segundo lugar, dar apoio às partes interessadas avaliar e expandir as suas práticas de forma mais eficaz vi) Construção da Comunidade - expandir a rede e a Comunidade do Conhecimento para garantir a difusão e utilização generalizadas das melhores práticas em toda a UE e para além dela. 



| Voltar |


Topo
Logotipo Acessibilidades

CEPCEP
Palma de Cima, 1649-023 Lisboa
Tel.: 217 214 133
Fax: 217 266 160

Universidade Católica Portuguesa > Lisboa > Porto > Braga > Viseu
Página Inicial